Pós-campanha, AL retorna com análise de orçamento e Fethab

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Eduardo Botelho (União Brasil), afirmou que o retorno das atividades da AL será “intenso” com votação da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) e Lei Orçamentária Anual (LOA).

O parlamentar, em decisão conjunta com os outros deputados, determinou um recesso de um mês para que os políticos pudessem se dedicar às campanhas eleitorais. Todos os deputados da AL tentam reeleição.

Os deputados suspenderam as atividades no dia 5 de setembro e retornam à Assembleia na próxima quarta-feira (5).

“Nós já estamos com uma agenda muito intensa, eu já estou convocando o Colégio de Líderes dos deputados, antes da sessão, e nessa reunião vamos traçar tudo até o final dessa legislatura, que é janeiro”, afirmou.

Botelho disse que convocou a reunião presencial entre os 24 parlamentares e não vai liberar ninguém. Anteriormente as sessões estavam sendo suspensas por falta de quórum.

Questionado sobre o tempo curto para votar a LDO e LOA, Botelho garantiu que será possível finalizar tudo até o final do ano.

“Vai dar tempo sim, nós temos essa discussão para ser feita [sobre] LDO e começar a discussão da LOA e alguns vetos que temos lá. Tem várias coisas que ainda precisamos fazer este ano, revisão do Fethab (Fundo Estadual de Transporte e Habitação), por exemplo, tem muito trabalho pela frente”, explicou.

Os deputados estaduais eleitos no próximo dia 2 de outubro assumirão a cadeira na Assembleia após o dia 31 de janeiro.

Fonte: MidiaNews