Palmeiras vence Dérbi e abre 9 pontos de vantagem na ponta da Série A

O Palmeiras conseguiu um excepcional resultado na noite deste sábado (13/8).  Afinal, na Neo Química Arena, pela 22ª rodada da Série A do Brasileiro, derrotou os donos da casa, o Corinthians, por 1 a 0. O jogo teve o Timão com mais volume, mas a eficácia foi do Verdão, que venceu graças a um gol contra de Roni, no segundo tempo.

O Palmeiras, com mais este sucesso no Brasileiro, vai aos 48 pontos, abre provisoriamente nove pontos de frente para o vice-líder, que ainda é o Corinthians. Porém, estacionado com 39 pontos, o Timão pode ser ultrapassado por Athletico ou Flamengo (que se enfrentam) e Fluminense.

Primeiro tempo

Jogo muito truncado, com faltas viris, cartões amarelos (o primeiro logo com um minuto) e pelo menos uma ida do juiz Raphael Claus ao VAR para ver se Róger Guedes poderia ser expulso por uma entrada dura em Gustavo Gómez. Mas os times criaram chances, Um contra-ataque do Palmeiras terminou com chute de Rony e grande defesa de Cássio. Pelo lado do Timão, Renato Augusto foi muito ativo e deu três chutes perigosos. Mas o lance mais bonito foi uma bicicleta de Yuri Alberto.

Segundo tempo

Os times voltaram ligados O Palmeiras dando velocidade e o Timão com bom toque de bola. E foi do Corinthians as primeiras boas chances. Renato Augusto e Pitón chutando de fora da área; um lance iniciado por Fagner que Mosquito cruzou e Gomez quase fez contra.

Mas um lance isolado definiu o jogo. Fagner errou um passe no meio de campo. Deu no pé de Dudu, que levou a bola para o Palmeiras. Após passar por Wesley, Flaco López cruzou e Roni, que tinha acabado de entrar, tentou salvar e marcou contra.  Nos minutos finais, o Timão tentou chegar na área palmeirense, mas sem sucesso algum.

CORINTHIANS 0 X 1 PALMEIRAS

22ª rodada do Campeonato Brasileiro
Data: 13/8/2022
Local: Neo Química Arena, São Paulo (SP)
COTINTHIANS: Cássio; Rafael Ramos (Fagner, aos 13′ do 2ºT), Bruno Méndez, Balbuena e Lucas Piton; Du Queiroz, Fausto Vera (Rony, aos 24′ do 2ºT) e Renato Augusto; Gustavo Mosquito (Adson, aos 24′ do 2ºT), Róger Guedes e Yuri Alberto. Técnico: Vitor Pereira
PALMEIRASWeverton; Mayke, Gustavo Gómez, Murilo e Piquerez; Danilo, Zé Rafael e Raphael Veiga (Gabriel Menino, aos 17′ do 2ºT) ; Dudu (Tábata, aos 29′ do 2ºT), Rony (Wesley, aos 17′ do 2ºT) e Flaco López (Rafael Navarro, aos 42′ do 2ºT)Técnico: Abel Ferreira.
Gol: Roni, contra, aos 28′ do 2ºT (0-1)
Árbitro: Raphael Claus (SP-FIFA)
Assistentes: Danilo  Manis (SP) e Rodrigo FCorrea (RJ)
VAR: Rodrigo Guarizodo Amaral (SP-FIFA)
Cartões amarelos: Fausto Vera, Róger Guedes (COR); Piquerez, Flaco López (PAL) (Jogada 10)