Ex-presidiário em mato-grossense é executado com 11 tiros em país vizinho

Ex-membro de uma quadrilha que roubou banco em Cuiabá no ano de 2006 morreu com 11 tiros na madrugada de quarta-feira (10), na porta da fazenda em que ele morava, 21 quilômetros  da cidade de San Matías, na Bolívia. Vinícius Bernadinelli Dacache, 37, foi encontrado sem vida na porteira da propriedade. O corpo será trazido para Cuiabá nas próximas horas.

As informações são do site Clave 300, que aponta a vítima como empresário do ramo de tratores e máquinas. O corpo de Vinícius foi achado com 3 perfurações na cabeça.

Ele não portava a carteira, celular ou as chaves da fazenda e do carro, que estava parado perto do corpo. Testemunha que encontrou Vinícius sem vida já foi ouvida pelas autoridades da cidade, que seguem investigando o assassinato.

Familiares do homem também já estão na cidade, fazendo a liberação do corpo, que deve ser velado e sepultado em Cuiabá nos próximos dias.

 

Passado no crime

Vinícius teve diversas passagens criminais em Cuiabá, sendo condenado pela Justiça por alguns do crimes, entre eles, o roubo em uma agência da Caixa Econômica Federal, no bairro Boa Esperança, em Cuiabá no ano de 2006.

O crime deixou dois seguranças e um cliente feridos por arma de fogo. Na época, a quadrilha de 8 criminosos chegou a levar um malote com R$ 195 mil. Um mês depois, o grupo foi preso. Vinícius chegou a pegar 16 anos e 8 meses.

Em 2009, com 24 anos, voltou a ser preso em Nossa Senhora do Livramento como membro de um grupo responsável por roubo em empresas e casas do interior. Em 2011, preso na Penitenciária Central do Estado (PCE), foi flagrado em uma tentativa de fuga junto com outros detentos. No mesmo ano, ele foi preso após furtar um caixa eletrônico.